Download Sistema Sumus Trial

Preencha o Formulário abaixo e Descubra o quanto sua Empresa pode reduzir custos

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Telefone (obrigatório)

Qual é o produto de seu interesse?

Descreva como podemos ajudá-los

Saiba como economizar com celulares na sua Empresa

Entenda como fazer o balanço anual da sua empresa

Entenda a importância de ter um balanço preciso e eficiente e saiba como ele deve ser feito

Toda empresa precisa fazer o balanço anual, também chamado de balanço patrimonial, que é considerado como a demonstração financeira mais importante de um negócio. Porém, nem sempre se sabe exatamente como ele deve ser realizado.

Esse é um conhecimento financeiro imprescindível para empresas de todos os portes e segmentos, e caso ele seja feito incorretamente, pode haver problemas futuros em relação à gestão daquele setor ou da organização como um todo.

Conheça melhor o que é o balanço, por que ele é exigido e como sua empresa deve proceder para elaborá-lo da maneira certa.

balanço anual

O que é o balanço anual?

É o documento responsável por atestar a condição financeira de uma empresa em dado momento, geralmente no final do ano, embora possa ser feito em outra data. Ao analisá-lo, é possível saber como está o patrimônio daquela companhia.

Um dos maiores erros de gestão financeira é deixar de apresentar o balanço, já que esse é um item obrigatório, de acordo com o inciso I da Lei 8.666/93, de modo que a empresa possa comprovar sua condição financeira.

As exigências legais mostram que o balanço deve ser levantado ao final de um exercício financeiro, que na maior parte das vezes ocorre junto com o final do ano civil, ou seja, no dia 31 de dezembro. Ele pode ser apresentado mais de uma vez, embora essa não seja uma situação tão comum.

O balanço anual deve ser encaminhado aos contadores no mês de janeiro, os quais têm até o último dia útil do mês de junho (no caso de empresas sujeitas à tributação do imposto de renda com base no lucro real) para encerrar os fatos registrados do ano anterior.

Por exemplo, o balanço de 2018 deve ser entregue em janeiro de 2019 aos contadores e concluído até 28 de junho de 2019, que é o último dia útil daquele mês. Passada essa data, o documento perde o seu valor.

Antigamente, a data limite era 30 de abril, a qual ainda se mantém para empresas que não são tributadas com base no lucro real. Porém, no caso de empresas tributadas com base no lucro real, o limite é o último dia útil de junho.

Perante a lei, as únicas exceções à realização do balanço anual são os microempreendedores individuais (MEI). Logo, todas as outras empresas são obrigadas a realizá-lo e apresentá-lo ao seu contador.

O que consta no balanço patrimonial de uma empresa?

Basicamente, seus bens, direitos e obrigações. O documento representa todos os registros contábeis disponíveis, de modo que o dono e os sócios daquela empresa consigam analisar suas informações e, assim, proceder com a tomada das próximas decisões.

Empreender com contabilidade positiva é uma necessidade para todas as empresas, de modo que sua saúde financeira esteja em dia, e o balanço anual é uma poderosa ferramenta para tal.

Do lado esquerdo do relatório, aparecem os ativos da empresa, que são seus bens, aplicações e direitos, como, por exemplo, valor no caixa, matéria-prima, itens no estoque e veículos.

Já do lado direito, aparecem os passivos (obrigações e dívidas com terceiros, como pagamentos de fornecedores, e obrigações internas, no caso de salários e da participação dos acionistas, sócios e diretores).

Com isso, obtém-se um total ativo (referente ao lado esquerdo do documento) e um total passivo (referente ao lado direito). O resultado, que é o patrimônio líquido, corresponde à diferença entre os ativos e passivos e representa o capital da empresa.

Quem é responsável por elaborar o balanço financeiro?

Tal atribuição fica sob a responsabilidade do empreendedor. O balanço deve ser feito ao menos uma vez ao ano para que o contador possa apresentar o estado daquela empresa, conforme as exigências legais.

Toda companhia que quer saber como resolver problemas com a gestão de contas deve começar do princípio, ou seja, dos itens mais fundamentais, justamente onde se encontra o balanço anual.

É comum que os empreendedores não saibam como elaborar o balanço patrimonial de sua empresa, já que esse é um assunto de ordem mais técnica e teórica. Nesse caso, é essencial contar com a ajuda do contador para tirar todas as dúvidas.

balanço anual

A partir do momento que o primeiro balanço tiver sido elaborado, então os próximos serão mais fáceis, já que será preciso apenas atualizar os valores e acrescentar eventuais itens.

Ao pesquisar sobre dicas para organizar o fluxo de caixa da sua empresa, uma das principais é ter um balanço patrimonial organizado e bem preciso. A partir daí, será possível compreender a situação da empresa e, assim, saber melhor como proceder.

Para que sua realização seja mais fácil e prática, uma dica valiosa é atualizar o balanço do patrimônio mensalmente. Assim, os esforços são diluídos mês a mês e você terá menos trabalho quando estiver próximo à data limite.

Por que você deveria melhorar sua estratégia de gestão de contas e contratos?

Quais são os benefícios proporcionados pela elaboração do balanço anual?

Além do cumprimento das exigências legais, o balanço do patrimônio também traz uma série de benefícios à empresa:

  • Organização: para um bom desempenho das atividades de gestão, é de suma importância que os aspectos legais e tributários estejam em ordem. Com o balanço patrimonial, é possível saber exatamente qual é o estado econômico da empresa, o que evita a desorganização. 
  • Desenvolvimento financeiro: como reflexo da organização, a empresa saberá quanto tem em mãos para investir em matéria-prima, mão de obra e soluções tecnológicas, o que pode trazer como consequência melhorias notáveis no orçamento. 
  • Maior chance de receber investimentos: empresas que procuram por investidores para o desenvolvimento de seus produtos e serviços precisam assegurar os interessados de que sua saúde financeira está em dia, de modo a oferecer maiores chances de sucesso, e o balanço é uma ótima ferramenta para comprovar a situação da companhia.

Invista o tempo e esforço necessários para que o balanço anual seja realizado da maneira correta na empresa, com o auxílio do seu contador e também de serviços como a gestão de contas e contratos. Dessa forma, sua vida financeira estará perfeitamente organizada!

O que achou das nossas dicas? Deixe nos comentários a sua opinião e aproveite para conhecer os demais serviços da Sumus, como a auditoria de contas!

assinatura

Queremos ajudar sua empresa também! Solicite, sem compromisso, seu orçamento.


Qual sua opinião sobre o assunto?