Ligar para Sumus Clique para ligar 11 2847-1811 | 11 2364-2281
Facebook Sumus Google Plus Sumus Linkedin Sumus

Contabilidade Para Micro e Pequenas Empresas, Como Deve ser a Sua

A contabilidade tem a função de fornecer informações seguras para que qualquer pessoa jurídica tenha poder de decisão. Logo, ela deve fazer parte da gestão da rotina empresarial

Nos dias atuais, os controles contábeis ficaram mais fáceis de serem feitos. Porém, a contabilidade para micro e pequenas empresas não deve ser feita de “qualquer jeito” porque isso prejudicaria todas as etapas produtivas da companhia.

O que se sabe é que os empresários não dão a devida atenção a esse instrumento de apoio. Só que com o excesso de informações burocráticas obrigatórias no país, as empresas não têm como fugir desse suporte de administração.

Falando bem resumidamente, podemos dizer que é a contabilidade, nos dias atuais, é vista como “um mal necessário”. Mas, após ler este artigo, você vai notar que ela não é, necessariamente, um mal; apesar de ser totalmente necessária.

Podemos considerar também que no Brasil grande parte dos negócios que estão em funcionamento é constituída pelo grupo de empresas menores (micro e pequenas), que geram riquezas e contribuem para o aumento do PIB (Produto Interno Bruto).

Se ter uma contabilidade é importante, não resta outra alternativa ao empresário a não ser criar uma. Afinal, como diz o dito popular, uma empresa sem contabilidade é uma entidade sem memória, sem identidade e sem as mínimas condições de crescimento.

A contabilidade para micro e pequena empresa

Nas empresas de menor porte, os empresários devem assumir o papel de administradores financeiros e isso quer dizer que eles precisam criar análises financeiras para identificar o desempenho (performance) da sua unidade.

Só a partir disso será possível tomar decisões adequadas.

Logo, essas informações sobre o patrimônio, por exemplo, precisaria ser feita por um relatório contábil. Até a demonstração de resultados tem a ver com essa área – capital de giro, estoque, entre outros.

Um dos maiores (e mais comum) erro é achar que um fluxo de caixa precisa ser feito apenas pelos empreendimentos de grande porte. Mas, claro que não. Independente do tamanho, toda companhia precisa fazer relatórios contábeis.

Todo empreendedor precisa se questionar sobre muitos assuntos – será que vale mais a pena pagar parcelado ou à vista? – Por exemplo!

Esse cuidado tem a ver ainda com a prevenção de outro erro bastante comum na vida de muitos (muitos mesmos) empresários: a mistura de finanças entre as contas pessoais e as da empresa.

Quando esse mix de gastos e receitas acontece todo o controle financeiro fica incorreto. Saiba também sobre liderança e motivação para aplicar na sua empresa!

É possível reconhecer que outros países consideram as informações geradas pela contabilidade de pequenas empresas focadas no empresário… Por aqui, os procedimentos têm a função de ser uma prestação de serviços para o Fisco (impostos pagos aos órgãos públicos).

Só que a questão vai muito além: “Como um empresário pode tomar decisões sem ter o conhecimento real sobre a sua situação financeira e econômica”? Verdadeiramente, ele não pode – ao menos de maneira eficiente.

O que não pode faltar na contabilidade de uma empresa

Contabilidade nas empresas

Se para abrir uma empresa, o empreendedor vai precisar se ater a detalhes como a participação dos sócios, o capital social, planejamento e tributações; durante a rotina do dia a dia, os cuidados não podem ser diferentes.

Há formatos jurídicos, contratos e tudo mais que gira em torno do planejamento.

Separamos algumas atividades que são imprescindíveis a contabilidade para micro e pequenas empresas e essenciais para o funcionamento de qualquer empresa, especialmente as micros e pequenas, e que tem a ver, diretamente, com a contabilidade delas. Confira!

Fluxo de Caixa

O fluxo de caixa é uma análise sobre o saldo da empresa e como ele vai se manter nos próximos dias.

Capital de Giro

O capital de giro é a quantidade de dinheiro que uma companhia vai precisar para engrenar seus processos. Normalmente, é um recurso que fica alocado no estoque, nas contas a receber, no caixa ou na conta da empresa.

Controle de Estoque

O estoque é onde todo produto (matéria-prima ou algo que será vendido) ficará armazenado. Se a empresa é uma indústria, por exemplo, o estoque é essencial.

O controle sobre essa área é importante porque facilita a captação do capital de giro. A partir disso, o ideal é fazer uma comparação de preços e taxas dos fornecedores para melhorar a aquisição das mercadorias.

A precificação

Isso parece fácil, mas não é. Escolher um preço justo para vender seus produtos ou serviços tem a ver com calcular todas as despesas fixas e variáveis, aplicando isso à taxa de juros e planejamento a margem de lucro.

Obtenção de Crédito

Na hora de conseguir um crédito no mercado, não basta ir ao banco. É preciso ter todos os documentos necessários, avaliando as vantagens e desvantagens de cada linha que está disponível no mercado financeiro.

Os pequenos gastos

Existem alguns gestores que, erroneamente, se esquecem de considerar os pequenos gastos – como água, luz, material de escritório, internet, produtos de limpeza, manutenção, etc.

Para que o negócio dê certo, é preciso ter controle sobre esses itens também, além dos já conhecidos “grandes gastos”, como do abastecimento de mercadorias, aluguel, impostos e salários.

Quando não há contabilidade em uma pequena empresa…

Contabilidade em pequenas empresas

As situações são as mais adversas possíveis, mas fatalmente vai acontecer um desequilíbrio entre as contas – déficit financeiro, falta de capital para investimentos, necessidade de empréstimos, entre outros.

Na maior parte das vezes que a contabilidade não é considerada, há um entrave com o poder público levando em conta que os interesses acabam sendo de terceiros – e tudo acontece de forma fraudulenta, fugindo do campo da ética.

Portanto, não restam dúvidas de que a contabilidade para micro e pequenas empresas tem papel importantíssimo para qualquer empreendimento – e isso não tem a ver apenas com a questão fiscal, mas também com a finalidade de gestão empresarial.

Os desafios contábeis para micro e pequenas empresas

O mundo atual de negócios faz com que os gestores tenham dificuldades de concretizar seus processos: há uma globalização nas compras online, pesquisa de preços, ofertas abundantes, inovação.

Logo, a concorrência é acirrada em todas as áreas e setores.

Como sair dessa “encruzilhada” e se destacar no mercado? Sendo competitivo.

O empresário vai precisar estudar formas de ganhar produtividade e é justamente a contabilidade que vai ajudar nesse ponto, com o fornecimento de informações que darão base para as ações mais assertivas.

Uma decisão assertiva pode ser vista na gestão de telecom, que reduz gastos e melhora os processos. Mas esse só uma forma de exemplificar a importância de se considerar a contabilidade de uma empresa. Confira também 07 erros que toda empresa comete em marketing digital.

Se você pretende fazer uma auditoria geral de todas as áreas, vale muito a pena falar com uma consultoria empresarial – que tem o objetivo de corrigir erros e encontrar soluções imediatas para eles. A Sumus é uma das empresas mais experientes no mercado atual. Saiba Mais.

 

assinatura


Qual sua opinião sobre o assunto?

Download Sistema Sumus Trial

Preencha o Formulário abaixo e Descubra o quanto sua Empresa pode reduzir custos

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Telefone (obrigatório)

Qual é o produto de seu interesse?

Descreva como podemos ajudá-los

Saiba como economizar com celulares na sua Empresa