Ligar para Sumus Clique para ligar 11 2847-1811 | 11 2364-2281
Facebook Sumus Google Plus Sumus Linkedin Sumus

Saiba Qual é a Diferença Entre Despesas Fixas e Variáveis!

Muito se fala sobre esse assunto, mas, na verdade, quais são as despesas fixas e quais são as variáveis?

Toda empresa possui despesas, isso é fato. Algumas gastam mais, outras gastam menos, mas é impossível evitar ter gastos durante a gestão de qualquer tipo de negócio, seja ele de qualquer porte ou segmento.

Porém, nem todas as despesas são iguais, principalmente quando se faz um controle financeiro bem específico. Cada despesa deve ser calculada diferentemente, para evitar que a empresa tenha surpresas desagradáveis na hora de pagar as contas.
As despesas fixas e variáveis são, basicamente, os dois tipos de gastos que existem em qualquer empresa, e o planejamento que as cerca deve ser feito com bastante atenção, bem como a classificação de cada tipo de gasto.

Entenda tudo o que você precisa saber sobre esse assunto e veja como sua empresa deve se preparar para encarar cada tipo de despesa da maneira que ela merece!

Qual é a Definição de Despesas Fixas e Variáveis?

As despesas fixas e as despesas variáveis estão entre os termos que todo diretor financeiro precisa saber, já que a gestão do negócio depende diretamente da compreensão, análise e tomada de decisões corretas acerca do assunto.

Saiba Qual é a Diferença Entre Despesas Fixas e Variáveis!

Antes disso, porém, é importante entender qual é a definição de despesas fixas e variáveis, para que você consiga olhar para elas e enxergar imediatamente como elas devem ser classificadas.

Despesas Fixas

Como o próprio nome elucida, as despesas fixas são aquelas que sempre existem na empresa, independentemente de qual seja sua produção ou de qualquer outra coisa que aconteça.

Entre as despesas fixas, encontram-se o pagamento do aluguel do estabelecimento, os salários dos funcionários, as contas de água, luz, telefone e internet, o pró-labore dos sócios e o pagamento de impostos.

Nesses casos, não importa o quanto a empresa fature, quantos clientes tenham sido atendidos ou qual tenha sido o número de contratos fechados no mês, tais pagamentos precisam ser feitos de qualquer modo.

Além de serem despesas sempre presentes, o valor delas geralmente não muda, a menos que se contrate ou demita funcionários ou que o consumo de energia elétrica ou de telefone seja muito maior do que no mês anterior.

Nesses casos, algumas soluções que podem ser procuradas pelos gestores são a adoção de sistemas de tarifação telefônica ou a elaboração de uma campanha de conscientização de consumo de energia elétrica, por exemplo.

Despesas Variáveis

Diferente das despesas ficas, mas também com um significado já explícito em seu nome, as despesas variáveis mudam de acordo com cada período, já que não são possuem uma constância.

Se uma empresa produz peças automobilísticas, caso a demanda de um mês seja maior, então os gastos com matéria-prima serão maiores, embora o faturamento também acompanhe esse crescimento.

No mês seguinte, se a demanda pelas peças cair pela metade, os gastos com matéria-prima também serão reduzidos, assim como acontecerá com o faturamento, que depende diretamente da movimentação do mercado.

As empresas lidam com despesas variáveis todos os meses, embora seu valor e até mesmo as despesas em si mudem de acordo com cada mês ou outro período de tempo.

Quais São as Principais Diferenças Entre Despesas Fixas e Variáveis?

Tanto as despesas variáveis quanto as fixas sempre estão presentes em uma empresa, todos os meses, seja qual for sua situação comercial naquele período de tempo. Além disso, todas elas devem ser controladas com bastante cuidado e recalculadas mensalmente.

Essas são algumas das únicas semelhanças, já que as despesas fixas e variáveis são muito diferentes entre si e precisam ser encaradas assim para uma gestão bem-sucedida.

As despesas fixas são muito mais previsíveis, já que sempre estão lá, todos os meses. Então, é mais raro encontrar surpresas e valores inesperados por aqui, por mais que os valores possam oscilar um pouco.

Os valores podem oscilar um pouco

Porém, ao se comparar as despesas fixas dos últimos 6 ou 12 meses, será possível identificar que elas mostram uma constância, a menos que a equipe tenha aumentado ou diminuído consideravelmente.

As despesas variáveis, por sua vez, são muito mais imprevisíveis, já que dependem de uma série de fatores que não podem ser controlados pelos gestores, como a situação econômica, as taxas de inflação e a sazonalidade.

É justamente por isso que muitas empresas enfrentam problemas com as despesas variáveis, já que não fazem um planejamento organizado e depois não conseguem pagar tudo o que deveriam, o que pode acarretar em novas dívidas e novas despesas variáveis.

Como Manter um Controle Eficiente das Despesas?

Muito se engana quem pensa que problemas financeiros devido a uma gestão incorreta e a uma classificação equivocada das despesas fixas e variáveis são apenas erros em uma pequena empresa: corporações de todos os portes podem passar por isso.

Tentar controlar tudo na base do papel e do lápis não é exatamente a melhor solução a se escolher. Ainda que isso possa ajudar, nem se compara à adoção de um sistema informatizado e inteligente.

O rateio de despesas é a melhor solução que pode ser adotada por uma empresa para manter tudo equilibrado, com as devidas provisões de valores emergenciais para garantir que nem mesmo uma eventualidade prejudique os pagamentos.

Ao utilizar um sistema para essa finalidade, a gestão financeira tende a ser muito mais prática, eficiente e segura, o que ajuda a empresa a não passar por períodos difíceis que resultem na demissão de funcionários ou no corte emergencial de custos.

Esses sistemas também ajudam na inclusão das despesas variáveis e fixas em suas devidas categorias, o que te permitirá ter um olhar muito mais estratégico sobre os gastos da sua empresa e também ajudará a tomar as melhores decisões.

Agora que você já sabe quais são as diferenças e semelhanças entre as despesas fixas e variáveis, prepare-se para encará-las como algo natural em sua empresa e lide com elas da melhor maneira possível!

assinatura


Qual sua opinião sobre o assunto?

Download Sistema Sumus Trial

Preencha o Formulário abaixo e Descubra o quanto sua Empresa pode reduzir custos

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Telefone (obrigatório)

Qual é o produto de seu interesse?

Descreva como podemos ajudá-los

Saiba como economizar com celulares na sua Empresa